Colunistas

Não deu


>> Não deu
Já sofri mais em jogos da Seleção em épocas passadas. No começo, não estava confiante na conquista da Copa da Rússia, mas torci, queria o título. Não deu. O futebol evoluiu, não podemos desprezar mais ninguém. Lamento pelos que jogam por amor, por raça, que sofrem com a derrota. Lamento por aqueles que depositam no futebol a possibilidade de ter alegria, de ter vibração, de ter esperança. É da vida, um dia se ganha, outro se perde. É hora de voltar o rumo para os problemas do Brasil. Torcer, mas torcer muito para que vençamos os nosso grandes problemas. Nesta luta, não podemos jamais perder as esperanças.

>> Só em 2022
Pensando bem, a eliminação da Seleção Brasileira impede mais um dia de folga na terça. Agora, rumo ao Hexa somente em 2022. 

>> Buracos 
A Prefeitura de Lajeado precisará, urgentemente, fazer um plano de recuperação das vias asfaltadas da cidade. A buraqueira tomou conta. Bento Rosa, Carlos Spohr Filho e trechos da Benjamim são os pontos mais críticos.

>> Emendas
A Câmara de Lajeado estuda a implantação do sistema de emendas impositivas, que daria direito a cada um dos 15 vereadores fazer a destinação de um valor anual. Projeta-se R$ 200 mil para cada um dos edis. Como sempre, combati as emendas parlamentares de deputados federais, preciso me posicionar contra esta possibilidade. Não é papel do vereador ficar destinando verba. Esta prerrogativa é do Executivo.

>> Conzatti 
O prefeito de Encantado, Adroaldo Conzatti (PSDB), assumiu a vice-presidência da Federação das Associações dos Municípios do RS (Famurs). Conzatti recebeu o cargo do novo presidente da entidade, Antonio Cettolin (MDB), prefeito de Garibaldi. Se não tivesse sido "traído" pelo seu partido (MDB), o prefeito de Estrela, Carlos Rafael Mallmann, seria o empossado.

>> Colinas
A Coluna apurou que o clima em Colinas está pior que em época de campanha eleitoral. Após os vereadores acatarem denúncia e autorizarem abertura de uma Comissão Processante no Legislativo para apurar supostas infrações em licitação, o prefeito foi pro contra-ataque. Em entrevista, Sandro Herrmann disse que "a denúncia foi patrocinada". Pediu para o MP apurar os fatos.

>> Cautela
Por mais que seja legal o trabalho de investigação por parte dos vereadores, é importante que os mesmos tenham cautela. Fato recente em Teutônia colocou o prefeito sob suspeita, mas nada foi apurado contra ele. Antes de ser execrado pela opinião pública e pela oposição, é preciso apurar os fatos.

>> Pedágio
Preparem o bolso. Foi lançado o edital de licitação para concessão de quatro rodovias do Rio Grande do Sul, dentre elas, a BR-386. O Vale do Taquari terá uma praça de pedágio na BR-386 em Paverama, na altura do trevo de acesso ao município, imediações da divisa com Fazenda Vilanova. A tarifa do pedágio deve girar na casa dos R$ 7.

>> Pedágio 2
Se o pedágio nos der garantias de uma rodovia sempre bem cuidada, valerá a pena o investimento. Diferentemente do que se faz nas rodovias estaduais. Veja a situação da RS-453, entre Lajeado e Venâncio Aires, uma rodovia que dá medo de circular e tem pedágio.

>> Corsan
Nunca tinha visto tanta reclamação contra a Corsan nestes mais de 20 anos de jornalismo no Vale do Taquari. Semanalmente recebo recados de falta de água na cidade, com problemas que vem se acumulando com o passar dos anos. 

>> Alívio
Existia a ameaça do fechamento da unidade da Calçados Bottero de Travesseiro. Não se confirmou. A empresa anunciou o encerramento de quatro unidades, mas preservou a do Vale do Taquari. Um alívio.

>> Pesquisa
Análise das pesquisas realizadas no primeiro semestre, em todo o país aponta que 64,5% dos eleitores não se sentem representados por qualquer um dos 28 pré-candidatos a presidente, até agora lançados. Isto porque 39,5% ainda esperam por um novo nome para definir seu voto e cerca de 25% dos eleitores já definiram que vão mesmo votar nulo para presidente, em outubro.

>> Pesquisa 2
Com Lula fora do páreo, a pulverização de candidaturas será inevitável e poderá propiciar que um candidato dispute o segundo turno com resultado baixo.

>> Desligamento
Ex-assessor parlamentar Fabiano Diehl anunciou seu desligamento do PTB nesta semana. Ele continuará prestando serviços na esfera política, mas por ora, sem ingressar em outra sigla partidária. E centralizará suas ações no Polo EAD da Univates de Estrela, que está sob sua responsabilidade.


Fabiano Conte

Comentários

VEJA TAMBÉM...